Séssil

Termo utilizado para designar um organismo que está preso na base, fixado a um ponto, incapaz de se mover de um local, que cresce e se desenvolve sobre um substrato animado (ser vivo) ou inanimado (rochas, por exemplo). Exemplos de organismos sésseis: ostras, espojas-do-mar, corais, algas macroscópicas, bolores, plantas. Na Botânica é um termo que se refere à folha sem pecíolo, ou uma flor ou fruto sem pedicelo.

Referências bibliográficas

1) D’ÁVILA, Sthefane; LAMEGO, Ana C. R. Vai uma carona aí?. Revista Brasileira de Zoociências, 2016, 17, 2, 55-57. 2) RAVEN, Peter H.; EVERT, Ray F.; EICHHORN, Susan E. Biologia Vegetal. 7. ed. Rio de Janeiro: Editora Guanabara Koogan Ltda, 2011.

Para saber mais

Veja o uso desse conceito em:

O que são esponjas marinhas e qual a sua importância?

Para compartilhar este conceito:

Copie o link do navegador ou através dos botões abaixo: